Footer Home 1
       

Historia da Orixá Ewá/Yewa: Dona da Pureza e Vidência

Historia da Orixá Ewá/Yewa: Dona da Pureza e Vidência

A história de Ewá Orixá

Ewá é reconhecida por sua pureza, sensibilidade e dom da vidência. Contudo, essas não são suas únicas características. A sua aparência bastante exótica chama a atenção de todos, pois ela também é símbolo da sensualidade e da beleza. 

Embora a Orixa Ewa seja lembrada por sua beleza, ela se manteve casta. Por isso, ela também é protetora de todas as coisas consideradas puras e virgens, incluindo humanos, rios e florestas. Mas isso não significa que a Orixá é ingênua, na verdade, ela é bastante astuta, por isso, ninguém deve despertar sua ira. 

A Orixá é facilmente confundida com Oxumaré, seu irmão. Sendo assim, ela é comumente cultuada com esse outro Ser de Luz, já que ambos simbolizam a energia proporcionada pelo arco-íris. Assim como Oxumaré, ela também possui como símbolo a serpente. 

Historia da Orixá Ewá/Yewa: Dona da Pureza e Vidência
Ewá dona da Pureza e Videncia

Orixá Yewá é cultuada na Umbanda e no Candomblé, sendo mais comum no Candomblé. A força principal dessa Orixá está presente na Nigéria, sendo que nesse país há até mesmo um rio chamado Yewá. 

Há muitas histórias sobre Yewá, a mais famosa delas é que a Orixá já enganou a morte diversas vezes, por isso, ela não teme à morte. Essa história com o fato dela ser regente de nevoeiros e neblina, faz com que algumas pessoas acreditem que a Orixá habita cemitérios, já que esses locais são recobertos por paz e afastam Xangô e Ifá. 

Yewá e a morte

Há uma lenda de Ewá conta que a Orixá estava lavando roupas na beira do rio e notou um homem correndo desesperado. No mesmo momento, ela jogou as roupas de sua gamela gigante (igba) e escondeu o homem dentro. Ikú (a morte) apareceu em seguida e perguntou para Ewá se ela viu um homem correndo, foi então que ela respondeu calmamente que o sujeito havia descido pelo rio. Assim, Ikú foi atrás da pista falsa da Orixá e o homem pôde sair do igba. 

Quando saiu do esconderijo, o homem disse que se chamava Ifá e desde então se apaixonou por Ewá. Depois desse ocorrido, Ifá teria levado a Orixá para para se casar com ela, mas ela não quis, pois queria se manter pura. Dizem que a Yewá aprendeu o dom da vidência com Ifá. 

                   

Mais para Ler

Footer Home 1

Links Úteis

Contato

Copyright © 2021 Aldeia Santa Todos os Direitos Reservados.