Footer Home 1
       

Historia do Orixá Omolu: O Grande Curandeiro

Historia do Orixá Omolu: O Grande Curandeiro

Quem é Omulu?

Omulu é um Orixá cultuado por religiões de origem africana como a Umbanda e o Candomblé. Dessa maneira, ele representa diversos elementos importantes da vida humana, como o fogo, a terra e a morte. Por todas essas características, Omulu é o Orixá mais temido pelos humanos. 

Muitas pessoas se perguntam quem é Omulu. Se você é uma delas, saiba que esse Orixá possui diversas variações em seu nome, podendo ser Omolu, Obaluaê, Obaluaiê e Omulu. Essas são as variações mais comuns, mas você pode ainda encontrar outros termos para referenciar a Omulu. 

Sinônimo de temor, esse Orixá representa muito mais do que a morte, como é comumente associado. Ele é capaz de ver todos os detalhes da vida de uma pessoa, por isso, ninguém consegue esconder nada de Omulu. 

O Orixá é também uma importante figura para os doentes pobres, que são protegidos por esse Orixá. Omolu representa a cura e o fim do sofrimento, pois ele já sentiu na pele o que é sofrer com uma enfermidade, por isso sempre ajuda aqueles que estão nessa situação de dor. 

Considerando suas características, temos que Omolu possui o grande poder de destruir civilizações com epidemias e outras catástrofes que causem a morte, assim como a habilidade de curar todos os tipos de males. 

História do Orixá

Historia do Orixá Omolu: O Grande Curandeiro
Omolu

Esse importante Orixá possui diversas histórias sobre seus ensinamentos, nascimento e muito mais. Dessa forma, a história que contaremos a seguir é sobre seu nascimento e também abandono. 

Irmão de Oxumaré, Omulu é filho de Oxalá e Nanã. Assim, durante a gravidez, Nanã teve alguns desentendimentos com Oxalá e Omolu nasceu com diversas varíolas. Isso fez com que a Orixá abandonasse seu filho na beira do mar para morrer. 

Depois de algum tempo, Iemanjá encontrou Obaluaiê todo deformado por causa da doença e, porque, os caranguejos estavam comendo ele vivo. Com muita compaixão e piedade, Iemanjá adotou Obaluaiê e o ensinou a superar todos os males e a curar qualquer doença. 

Dessa forma, Omulu cresceu coberto de cicatrizes que o envergonhava, até que decidiu criar sua própria roupa de palha capaz de cobrir todo o seu corpo. Apenas seus braços e pernas ficam de fora do traje. 

Com toda essa história de vida, o Orixá cresceu tímido e retraído. Assim, todo seu questionamento do porquê foi abandonado fez com que o Orixá se tornasse alguém sério, pensativo e muito compenetrado. Isso também o tornou um pouco mal humorado. 

                   

Acompanhe o nosso site nas Redes Sociais: Facebook, Instagram

Mais para Ler

Footer Home 1

Links Úteis

Contato

Copyright © 2021 Aldeia Santa Todos os Direitos Reservados.